27 de May de 2024

Sua Revista Eletrônica de Qualidade

Andar pelo centro da cidade de São Paulo se tornou uma aventura perigosa. Roubos e furtos de celulares e outros bens praticados por gangues de bandidos montados em bicicletas, skete ou a pé mesmo. O alvo os cidadãos e cidadãs comum. Um terror pra quem esta despercebido com o celular na mão, falando em alguma ligação. Ou em emboscadas praticadas por arrastões de marginais. Nessas práticas os bandidos
agridem as vítimas com violência e arrancam tudo que puder. Até as roupas do corpo e os sapatos ou tênis. Além das agressões os marginais humilham as vítimas. Principalmente, os mais idosos. “Segundo as notas de respostas e divulgadas pela Policia, “as ações dos bandidos estão sob controle”. “Ora, ora!!! Vejam só? Pois essas declarações da Policia seria mais para ser cômicas se não fossem trágicas. Já que, a bandidagem não está nem aí. Ou seja está tão ousada, que fazem a escolha das suas vitimas às vistas “grossas” de muitos policiais militares que fazem rondas pelas ruas do centro da cidade. “Se não bastasse a violência praticados pelas gangues de bandidos, o medo e a insegurança da população que frequenta a região central é só uma etapa da indignação. Sabe o que parece? Que o centro da cidade virou uma ‘Faixa de Gaza’ em abandono pelo poder público. Além de muitos moradores de rua misturados a nendigos e o fechamento das portas de vários estabelecimentos comerciais, empresas e pontos tradicionais. “O poder público (governos federal, estadual e municipal) precisam agir com urgência na região central da cidade de São Paulo. É preciso separar o “joio do trigo”. A lei tem que ser mudada e cumprida a risca. “Os dependentes químicos e viciados necessitam de internações em hospitais especializados e acompanhamento do setor da saúde. Já os moradores de rua precisam de maiores ações sociais e moradias. E os traficantes de drogas, as gangues de bandidos entre outros marginais que se misturam ao povo de rua precisam de maiores ações policiais, prisões e justiça de fato para os que forem detidos e permaneçam presos. “Vale ressaltar que na última terça feira, (dia 28) a Policia fez um cerco aos traficantes que vendiam drogas em plena Praça da Sé e de frente ao Palácio da Justiça. A Policia correu atras de bandidos até no escuro e a base de lanternas, já que a Praça da Sé está a alguns dias as escuras por falta de luz devido aos roubos de fios de cobres. Parece mentira mais não é! Na verdade
é o auge do desrespeito e do abandono. “Por: Valdir Sena“

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *