Um dos maiores mercados para a carne brasileira, a União Europeia sinaliza a possibilidade de banir importações vindas do Brasil.

 

 

carne

 

Em carta enviada ao ministro da Agricultura, Blairo Maggi, a Comissão Europeia, braço executivo da UE, afirma que o Brasil não tem feito nada para retomar a confiança do bloco após o escândalo provocado pela Carne Fraca.

A operação, deflagrada em março, revelou que empresas do setor de carnes pagaram propina a fiscais do Ministério da Agricultura, em troca da liberação de produtos fora das especificações sanitárias.

O documento da UE, ao qual a Folha teve acesso, é duro e destoa do tom normalmente empregado em correspondências diplomáticas.

Assinada pelo comissário de Saúde e Segurança Alimentar da UE, Vytenis Andriukaitis, a carta afirma que o bloco “duvida da credibilidade dos sistemas de controle [sanitário]” e que os recentes escândalos enfraquecem a confiança na capacidade das autoridades brasileiras”.

Membros da Diretoria-Geral de Saúde do bloco realizaram, entre 2 e 12 de maio, uma auditoria em frigoríficos brasileiros. Eles identificaram “deficiências críticas na maior parte dos setores inspecionados, muitas das quais de natureza grave”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *