SP instala contêineres para usuários de crack

A Prefeitura de São Paulo começou a instalar 25 contêineres que serão usados para atender os usuários de drogas na cracolândia, perto da praça Princesa Isabel (centro). Os atendimentos devem começar nesta semana.
O espaço fica no estacionamento da sede da Guarda Civil Metropolitana. As estruturas seriam colocadas, na semana passada, na rua General Rondon, mas após protesto dos moradores, a gestão de João Doria (PSDB) recuou.
De acordo com a prefeitura, serão disponibilizadas 100 camas para pernoite temporário. O equipamento também dispõe de refeitório, 20 chuveiros, três banheiros com 18 vasos sanitários, duas salas de atendimento social e de saúde e uma academia ao ar livre.
A previsão da administração é de que 400 pessoas sejam atendidas diariamente. Após avaliação médica e social, os acolhidos serão encaminhados para outros centros, clínicas terapêuticas ou leitos de internação.
O secretário de Saúde, Wilson Pollara disse ontem que os contêineres foram “emprestados” por empresas que organizam as corridas da Fórmula 1.

SAO PAULO/SP - 23/05/2017 - CIDADES - OPERACAO / CRACOLANDIA - Policiais Militares registando usuarios de droga na Praca Princesa Isabel. FOTO: MARCIO FERNANDES DE OLIVEIRA/ESTADAO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *