Bovespa fecha em alta, seguindo ganhos da Petrobras e da Vale

Volume fraco de negócios ainda sugere cautela com quadro político.
Ibovespa fechou pregão em baixa de 0,56%, a 49.053 pontos.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em alta nesta terça-feira (5), acompanhando os ganhos das ações da Petrobras e da Vale. O volume fraco de negócios, no entanto, ainda sugere cautela diante do quadro político indefinido.

O Ibovespa, principal indicador da bolsa paulista, terminou o pregão em alta de 0,56%, a 49.053 pontos. O volume financeiro do pregão ficou em R$ 5,6 bilhões, contra uma média diária superior a R$ 9 bilhões em março.

Pela manhã, a bolsa operou em queda, com o mercado mais conservador diante de incertezas sobre o impeachment da presidente Dilma Rousseff.
As ações da Petrobras e da Vale fecharam em alta de mais de 3%. Os papéis da CSN, no entanto, lideraram a alta entre as ações do Ibovespa, ganhando mais de 8%.

Cenário político

Profissionais do mercado citam que o caminho tortuoso do processo de impeachment e a chance de êxito do governo na busca por apoio têm criado desconforto, abrindo espaço para realização de lucros após fortes ganhos em março, destaca a Reuters.

Ao mesmo tempo, a dificuldade de precificar os próximos movimentos também limita posições muito defensivas no caso de rali mais relevante na bolsa dependendo dos próximos eventos políticos.

O Credit Suisse reiterou sua projeção de Ibovespa em 50 mil pontos, mas vê chance de o índice chegar a 60 mil pontos no caso de avanço político e reformas estruturais subsequentes que poderiam levar a custos de capital mais baixos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *