Alinne Rosa fala do prazer da massagem tântrica: ‘Orgasmo de 50 minutos’

ALINE
A cantora Alinne Rosa falou sobre sua vida sentimental e sexual durante participação no “Programa do Porchat” exibido na madrugada desta terça-feira (4). Ela afirmou que recebe muitos nudes – e já enviou alguns – e também comentou sua descoberta da massagem tântrica, há mais de um ano. “Eu recebo cada nude fuleiro, cada mixaria. A galera manda, mas eu não respondo. Não tem nem a cara do indivíduo, só o troço lá!”, reclamou para o apresentador. Porchat quis saber se ela também já mandou imagens sem roupa para alguém. “Só mando quando tenho intimidade. Morro de medo do meu nude vazar. Muito antigamente eu fazia vídeo na câmera, quando era novinha e namorava à distância”, explicou. Alinne disse que não gosta de beijar em público e revelou que ficaria com o canadense Justin Bieber. “Vem aqui garoto, eu pegava. Não tenho nada contra novinhos, não”, disse.

Massagem tântrica: A baiana falou que se tornou conhecedora e admiradora da massagem tântrica. “Descobri o tantra há um ano, é meio que uma terapia com prazer. Muita gente linka ao sexo, mas ele liga muito você à força sexual. É uma massagem super-sutil, bem leve no seu corpo todo. O orgasmo é de 50 minutos. A primeira vez eu fiquei uns 40 minutos deitada depois que acabou, e três dias depois eu ainda estava vibrando”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *